Skip to main content

Os meios de pagamento disponibilizados são um ponto essencial para o funcionamento de qualquer negócio. Afinal, eles serão utilizados pelos clientes e devem ser pensados de maneira estratégica para incentivar vendas e melhorar os resultados.

Nesse cenário, independentemente do segmento da empresa, é importante conhecer quais são as alternativas usadas e as tendências do setor. Assim, é possível se manter competitiva, oferecendo os meios mais adequados aos consumidores.

Quer saber mais sobre o assunto? Neste conteúdo, você aprenderá o que são meios de pagamentos, os principais tipos e as tendências do mercado. Acompanhe!

O que são meios de pagamento? 

Os meios de pagamentos são utilizados para que o dinheiro do cliente chegue à empresa após a compra de determinado produto ou serviço. Logo, eles proporcionam formas de pagar e receber valores, viabilizando as transações do comércio e da indústria. 

Por muito tempo, eles se limitavam a opções tradicionais, como dinheiro, cheques e cartão. Porém, o mercado passa por evoluções constantes, trazendo novas modalidades para a realização de pagamentos. Conhecê-las, então, se torna essencial para a gestão financeira da empresa. 

Quais são os principais meios de pagamentos?

Conhecendo o conceito de meios de pagamento, vale a pena saber quais são os principais disponíveis no mercado, certo? A seguir, conheça os principais tipos existentes atualmente, bem como aqueles que perderam ou ganharam espaço no mercado. 

Acompanhe!

Pagamento com cartão

Os pagamentos via cartão de débito ou crédito não são novidades, mas seguem ganhando cada vez mais espaço entre os consumidores. Eles são fáceis de utilizar, evitam a necessidade de andar com dinheiro e centralizam os gastos em uma fatura ou extrato. 

Além disso, na função crédito ele traz possibilidades de adiar o pagamento ou fazer parcelamentos. Apesar de apresentarem taxas nem sempre atrativas para as empresas, o meio traz mais segurança tanto para o negócio quanto para o consumidor. 

Isso porque o risco de inadimplência é assumido pela instituição financeira, não pela empresa. Logo, ele pode ser bastante interessante para o negócio. Também pode ser um diferencial no momento de fechar a venda, tendo em vista que é bastante procurado pelos consumidores. 

Uso de vouchers

O pagamento com vouchers está conquistando mais espaço nos comércios, especialmente nas lojas virtuais. Eles podem ser cupons de desconto ou de benefícios como cashback, vale presentes ou cartões de vale-alimentação ou vale-refeição. 

Os vouchers podem ser vinculados a marcas ou produtos específicos, contando com regras variadas também conforme a empresa. Dependendo do segmento, são uma ferramenta interessante para atrair e fidelizar clientes. 

No segmento alimentício, por exemplo, a aceitação de vales-alimentação ou refeição pode ser um diferencial importante porque muitos trabalhadores contam com esse benefício. E mesmo nos demais setores ele permanece relevante devido às vantagens que traz para a empresa. 

Pagamento via Pix

O Pix foi criado em 2020 e revolucionou as transferências bancárias. Sem custos ao consumidor e concluído de maneira imediata, ele ganhou espaço entre os meios de pagamento utilizados pelas empresas. 

Ele também beneficia o sistema financeiro e monetário ao facilitar o controle de dados, auxiliando no combate a fraudes e crimes, como lavagem de dinheiro. Ao mesmo tempo, o Pix oferece toda a segurança por meio de mecanismos robustos implementados pelo Banco Central. 

Outras possibilidades

Além das alternativas citadas, existem outras opções de pagamento que acabam sendo menos recorrentes. O uso de dinheiro, por exemplo, é cada vez menos comum, especialmente diante de contas digitais e outros meios disponíveis.

Por questões de segurança, muitos preferem não andar com dinheiro na carteira, especialmente valores mais altos. Além disso, existem outras práticas que podem ser adotadas, mas se tornam cada vez menos comuns. 

Veja só:

  • cheques: apesar de ser um meio aceito em muitos locais, enfrenta certa resistência devido aos riscos de não pagamento. Também é comum que envolva processos burocráticos para aprovação da venda, não sendo atrativo para diversos negócios;
  • boletos bancários: costumam gerar custos para emissão e envio, além do risco de não pagamento. Por outro lado, podem ser considerados práticos por muitos consumidores;
  • transferências via DOC ou TED: quando se trata de transferências bancárias entre instituições diferentes, a prática se torna menos comum porque costuma ter a incidência de taxas. Com a chegada do Pix, a tendência é que elas se tornem cada vez menos usadas. 

Qual a importância de acompanhar tendências?

As mudanças nos meios de pagamento e tendências de consumo são constantes, então é necessário acompanhar o que acontece no mercado. Dessa maneira, é possível se planejar para trazer novas possibilidades e manter a relevância do negócio perante o público. 

Um ponto relevante é buscar formas de se manter atualizado, conferindo quais são as novidades que surgem a cada dia. Os consumidores buscam cada vez mais praticidade e, quando se trata de pagamentos, isso se reflete em tecnologia, mobilidade e flexibilidade.

Assim, além das formas de pagamento citadas, existem outras que podem crescer nos próximos anos, como aproximação, QR Codes e carteiras móveis — as chamadas wallet (ou carteiras) digitais. Também é natural esperar que surjam novas soluções com o tempo. 

Dessa maneira, não basta conhecer as tendências do mercado. É preciso se organizar para identificar quais são atrativas para o seu negócio e implementá-las. Em complemento, é preciso ter ferramentas que viabilizem a gestão de recebíveis, trazendo maior segurança financeira.

Uso de soluções para gestão de meios de pagamentos

Para conseguir acompanhar as tendências e manter uma boa gestão de todos os meios de pagamento, é importante contar com a tecnologia. Conciliar todos os recebimentos é essencial para ter melhor controle financeiro e, se for o caso, estruturar os procedimentos de cobrança. 

Para isso, vale a pena contar com um software que permita a conciliação automática, auditorias, análises e outras soluções de gestão financeira. Ainda, você pode ter o suporte de uma consultoria personalizada e consultiva, visando otimizar os processos referentes aos recebimentos de valores.

Como você aprendeu, existem diferentes tipos de meios de pagamento que podem ser usados na sua empresa. Então avalie quais são os mais alinhados ao seu negócio e ao público-alvo, seguindo as tendências do mercado. 

Tenha também o suporte de ferramentas para auxiliar na gestão financeira e alcançar melhores resultados ao longo do tempo!

Quer otimizar a gestão financeira da sua empresa? Acesse o site da Gold Soluções e conheça os nossos serviços!